Deixe um comentário

UMA DOSE MORTAL [AGATHA CHRISTIE]

Uma dose mortalLivro: Uma Dose Mortal
Autor: Agatha Christie
Páginas: 224
Gênero: Literatura Estrangeira, Adulto, Romance, Ficção, Policial
Editora: L&PM
Avaliação:

SINOPSE

 

 

 

 

 

 

 

Um pacato dentista é encontrado em seu consultório com uma bala na testa e uma pistola perto da mão direita. Mais tarde, um de seus pacientes daquele dia aparece morto, devido a uma dose excessiva de anestesia local. Um caso evidente de assassinato e suicídio.
Mas por que o dentista cometeria um crime num dia de expediente movimentado?
A fivela prateada de um sapato é a chave para o mistério. Mas poderá Hercule Poirot descobrir a verdade em meio a tantas armadilhas?

 

EU LI

 

 

 

 

 

 

 

Depois de fazer a Tag: Jantar Literário, eu fiquei com vontade de ler um livro do Poirot, o que é sempre uma boa coisa, e este livro em especial estava muito divertido, porque a Agatha Christie resolveu tirar sarro dela mesma, fazendo varias piadinhas sobre livros de mistério (chamando o Poirot de personagem de livro escrito por uma velinha sem nada mais para fazer) e alusões ao próprio desaparecimento¹. Os livros da Agatha são sempre uma leitura leve, embora o tema gire entorno de algum assassinato, não exite melodrama, como na maioria dos livros do gênero. E outra vantagem que eles levam é: eu NUNCA descobri o assassino antes do final! Isso aconteceu com TODOS os outros livros de mistério ou policial que já li. Algumas vezes foi só o personagem aparecer e eu já sabia, outras levei um pouco mais de tempo, mas acabo descobrindo. Não é nenhuma genialidade minha, é só que os autores tornam tudo muito fácil. Mas a Agatha não. Nos deixar sem sabem quem é o assassino até o final é o objetivo dela, foi uma aposta que fez com a própria irmã, que tinha o mesmo probleminha que eu: sempre desvendava o mistério.

 
E falando no final… Eu dava risada quando tudo se desvendou, não era nada do que estava imaginando. Nem de longe. A desgraçada da Agatha me deu uma baita volta! Mas eu estou me adiantando aqui. Deixam-me falar um pouco sobre o livro: “Uma Dose Mortal” é (como eu já disse) com Hercule Poirot, detetive belga, bigodudo, cabeça de ovo, cheio de manias e dor de dente. Sim, o livro começa no consultório do dentista, onde o próprio morre (não estou dando spoilers, esta escrito na sinopse), felizmente, depois de fazer as obturações do Poirot. Tudo indica que o sr. Morley cometeu suicídio, dando um tiro na própria cabeça. Mas por quê ele faria isso? Aparentemente não tinha motivos. O que significa que alguém deve te-lo matado. Só que, de novo, por quê? O sr. Morley era a pessoa mais sem sal da face da Terra. A menos que ele estivesse envolvido em alguma conspiração? Vai saber… Leiam o livro!

 

PLAYLIST

 

 

 

 

 

 

 

Hm… Desta vez não tem playlist, porque eu fiquei meio, presa (por assim dizer) com “They’re Taking The Hobbits to Isengard”, e foi tudo que eu ouvi no ultimo fim de semana, desculpem…

 

¹ Sobre o desaparecimento da Agatha Christie: Existem teorias do porque ela sumiu, como marketing para o lançamento de um livro, ou para se vingar do marido, quem ela havia recém descoberto que tinha uma amante e foi tido como suspeito durante as investigações, mas tudo que se sabe é que o carro dela foi encontrado em um barranco, abandonado com todos os seus pertences dentro. Agatha ficou sumida durante 11 dias, e foi encontrada em hotel alegando sofrer de amnésia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: