1 comentário

LEITURAS DO MÊS DE MAIO

Leitura do Mês

Antes de começar realmente, eu queria explicar minha organização para esta postagem. Vocês vão notar, que os livros estão sub divididos por “Lendo com Jack” e “Lendo com José Eugênio”. Quem são eles?

Bom, Jack, é meu marcador de livros, e ele vem me acompanhando em TODAS minhas leituras em papel nos últimos 13 anos, e por isso quando os livros forem físicos entraram na categoria “Lendo com Jack”.

Já o José Eugênio é meu iPad, onde leio e-books, ou seja: “Lendo com José Eugênio” é o equivalente para livros eletrônicos. Simples assim.

Agora indo para a postagem realmente…

O mês de Maio rendeu em números de livros, mas não em qualidade, exatamente. Quando eu sai da minha zona de conforto foi totalmente desastroso. Uma pena.

Lendo com Jack

 

 

 

 

 

 

 

Os livros em papel foram os que mais renderam. Fora, “O Pacto”, todos foram boas leitura, superdivertidas, mas nestes casos, realmente, não tinha erro.

 

LIVRO_04

LIVRO_02O RESTAURANTE NO FIM DO UNIVERSO

Eu comecei o mês com “O Restaurante no Fim do Universo”, do Douglas Adams, porque eu precisava MUITO me divertir, e, é claro, funcionou. Eu até evito ler a série “O Mochileiro das Galaxias” em publico, porque (desconfio) estou sempre com um sorriso meio maniaco no rosto e rindo sozinha, totalmente louca!

LIVRO_05

A VIDA, O UNIVERSO E TUDO MAIS

Ainda no embalo, passei para “A vida, o Universo e Tudo Mais”, ainda na série “O Mochileiro das Galaxias” (obvio), e confesso que os dois livros ficaram meio misturados na minha cabeça, e agora eu não sei bem o que aconteceu em qual, mas neste caso, não tem a menor importância… Só sei que nunca mais vou olhar para uma toalha multi-colorida sem pensar em quais nutrientes ela carrega. Sério.




LIVRO_03O PACTO

Eu já li alguns livros aos quais tive vontade de jogar pela janela, tamanha minha irritação, mas “O Pacto”, do Joe Hill, superou TODOS eles, foi uma das minhas leituras mais difíceis, mas ao mesmo tempo, tenho que admitir que ele é muito bem escrito, só não é para mim. Eu ainda vou tentar mais um livro do Joe Hill que tenho aqui, torcendo os dedos para que renda, porque eu simpatizo com ele, e quero gostar de pelo menos alguma coisa que ele tenha escrito.

 

LIVRO_01

COMO MUDAR A HITÓRIA DE UM DRAGÃO

Estava fazendo um frio de congelar a alma aqui onde moro, e eu queria me esquentar um pouquinho, por isso fui passar um tempo (oh, ironia) na ilha de Berk, onde faz frio 360 dias por ano (mais ou menos), com um bando de vikings, em “Como Mudar a História de um Dragão”, da Cressida Cowell, já que neste livro eles estão passando por uma bela, e insuportável, onda de calor, e tem um vulcão entrando em erupção. Funcionou! Junto com cinco cobertas e uma bolça de água quente…

Lendo com JE

 

 

 

 

 

 

 

As leituras em e-book, por sua vez, foram, ruim, mais ou menos, péssimo e bom, exatamente na ordem que vou posta-las aqui.

 

GEEK GIRLGEEK GIRL

Eu queria ler “Geek Girl”, da Holly Smale , pelo titulo e pela empolgação geral nos blogs importados, mas no fim não era grande coisa, praticamente uma fanfic, das mais porcarias, infelizmente. Mas, ah, tudo bem, sem grandes expectativas, e o pai da personagem principal, Harriet, é divertido e sem noção.

 

LOLA-711x1024 (1)LOLA E O GAROTO DA CASA AO LADO

“Lola e o Garoto da Casa ao Lado”, da Stephanie Perkins, se prestou bem para o que eu estava afim, quando eu o li, que era alguma coisa leve, tipo filmezinho adolescente, da Seção da Tarde, mas já pelo maio, eu comecei a me cansar um pouco dele e querer que acabace logo, e o fim foi uma droga. Por quê os livros deste tipo sempre terminam quando as pessoas começão a serem felizes juntas? Por que eu tenho que ficar só com a parte melodramática da coisa?

A_FILHA_DA_FEITICEIRA_1357246306PA FILHA DA FEITICEIRA

Quando escolhi “A Filha da Feiticeira”, da Paula Brackston, pensei: “Obá! Magia e história.” Fiquei bem empolgada. Mas ele foi DIRETO para minha lista de “Livros que Menos Gostei de Todos os Tempos”! NÃO VOU LER A CONTINUAÇÃO! Muito obrigada. Bess, tchau para ti. Seja feliz onde que que esteja. Não me procure.

 

livro-o-caso-do-hotel-bertram-agatha-christie_MLB-F-187865631_8010O CASO DO HOTEL BERTRAM

E para encerrar: “O Caso do Hotel Bertram” da Agatha Christie, que SEMPRE vale a pena, ela esta bem no topo da minha lista de autores favoritos. Embora, este não tenha sido um dos melhores livros da Agatha, porque ela passou muito tempo envolvida com o hotel em si, e acabou faltando crime e investigação. Mas, como é com a Miss Marple, ficou tudo certo, porque isso significa que o livro é divertido, tem umas tiradas engraças, e nem um pouco escrachadas.

 

Anúncios

Um comentário em “LEITURAS DO MÊS DE MAIO

  1. Já ouvi falar bastante da série : “O mochileiro da galáxias”, ele me parece ser bom. Realmente vale a pena.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: